fbpx

Gestão de vendas: o que é, como fazer, ferramentas e dicas

A gestão de vendas é um elemento crítico, que impacta diretamente os resultados financeiros da sua empresa. Aprenda como aplicá-lo com eficácia.

A gestão de vendas é o processo de organização e otimização de um departamento de vendas. 

Alguns aspectos da gestão de vendas incluem a seleção e o treinamento da equipe, a coordenação de operações no departamento e a criação de estratégias para impulsionar o crescimento e a receita da empresa. 

As vendas são cruciais para qualquer negócio, portanto, uma gestão de vendas eficaz é fundamental.

  1. O que é gestão de vendas
  2. Aspectos envolvidos na gestão de vendas
  3. Como fazer a gestão de vendas passo a passo
  4. 5 Ferramentas para otimizar sua gestão de vendas
  5. 3 Dicas para melhorar sua gestão de vendas.

O que é gestão de vendas

De acordo com a American Marketing Association, gestão de vendas é:

“O planejamento, direção e controle da venda profissional, incluindo recrutamento, seleção, equipamento, atribuição, encaminhamento, supervisão, pagamento e motivação para a equipe de vendas pessoal”.

Além disso, a gestão de vendas envolve processos, estratégias e definição de metas para ajudar a equipe comercial a atingir os objetivos de receita da empresa.

Aspectos envolvidos na gestão de vendas

A gestão de vendas pode ser muito abrangente, mas envolve – basicamente – 3 fatores fundamentais:

1. Desenvolvimento e gestão da estratégia de vendas

A gestão de vendas envolve a visão e a estratégia do fluxo comercial. 

Uma parte crítica disso é construir o processo de vendas a ser seguido pela equipe de vendas. 

Esse processo mantém a equipe alinhada e trabalhando em direção aos mesmos objetivos e seguindo as mesmas etapas.

O desenvolvimento de um processo de vendas permite, ainda, que o gestor identifique gargalos e perceba onde sua equipe pode melhorar.

2. Gestão das atividade de vendas

A gestão de vendas se relaciona também com as atividades diárias da equipe comercial – da prospecção ao fechamento. 

Isso envolve comemorar vitórias, compreender as perdas e monitorar a eficiência da equipe.

Ou seja, a gestão de vendas envolve tanto as pessoas que fazem parte da equipe comercial quanto as tarefas desempenhadas por elas. 

Esse monitoramento permite que falhas sejam percebidas antes que prejudiquem o desempenho da equipe em relação às metas – mantendo, assim, os resultados positivos.

3. Relatórios de vendas e receitas

Na gestão de vendas, é fundamental compilar e analisar dados para revisar o sucesso da equipe comercial – em conjunto e de cada membro individualmente. 

Esses relatórios não são apenas para o gestor comercial, mas também devem ser analisados pelos representantes, para que acompanhem seu progresso para atender (ou superar) as expectativas.

Na gestão de vendas, bons relatórios incluem:

  • Quanta receita é gerada como resultado do trabalho da equipe comercial
  • Produtividade dos vendedores em relação ao fechamento de negócios e comunicação com clientes em potencial
  • Quais produtos/serviços são vendidos com mais frequência e com qual taxa de sucesso
  • Volume de leads qualificados (e aceitos) por vendas.

Como fazer a gestão de vendas passo a passo

Agora você já sabe os aspectos principais abordados pela gestão de vendas. Mas isso não é suficiente para entender como colocá-la em prática. 

Por isso, separamos um passo a passo para ajudar você a estabelecer e manter uma gestão de vendas eficaz.

Passo 1: Estruture o processo de vendas

O processo de vendas é o método pelo qual os vendedores ajudam a mover leads nos estágios iniciais até se tornarem clientes fiéis e satisfeitos.

Evolução dos leads no processo de vendas
Evolução dos leads no processo de vendas

Uma gestão de vendas eficaz conta com um processo comercial bem estruturado, que permite aos vendedores acompanhar e direcionar os potenciais clientes ao fechamento. 

Isso garante consistência para todos os clientes em potencial, não importa com qual representante eles estejam falando.

Porém, é importante lembrar que o processo de vendas precisa ser atualizado regularmente, conforme a empresa cresce e muda. 

Seja porque novos produtos foram lançados, a equipe aumentou ou surjam novas buyer personas, a gestão de vendas precisa garantir que seu processo se mantenha relevante.

Dessa forma, continua sendo útil e poderoso para apoiar o crescimento e desenvolvimento da empresa.

Passo 2: Selecione e organize a equipe comercial

Parte da responsabilidade da gestão de vendas é selecionar os melhores talentos para formar sua equipe comercial e escolher uma estrutura para organizar o trabalho dos vendedores.

Existem diversas formas de estruturar uma equipe comercial. Você pode conferir neste artigo como organizar a sua.

Se você tiver uma equipe reduzida, saiba que também é possível organizá-la de forma a obter a máxima eficiência de cada vendedor. Descubra como neste outro artigo.

Quanto a selecionar os vendedores, lembre-se de considerar os objetivos da empresa, a cultura organizacional e o orçamento disponível para as contratações.

Se definir a remuneração dos vendedores também for um desafio para você, neste outro post falamos sobre salário e comissões dos representantes.

Passo 3: Faça o planejamento de vendas

É fundamental fazer seu planejamento anualmente, para estabelecer os objetivos, determinar as ações que serão tomadas e definir as métricas que irão rastrear os resultados obtidos.

O planejamento de vendas deve envolver qual é a direção que a empresa quer seguir (aumentar penetração no mercado, lançar um produto novo, escalar seu crescimento, etc).

Também deve considerar o mercado-alvo, incluindo a definição/atualização do perfil de cliente ideal.

Além de determinar as estratégias de prospecção de marketing e vendas.

Confira como fazer um bom planejamento de vendas neste conteúdo.

Passo 4: Acompanhe o desempenho da equipe comercial

Com o processo comercial estruturado, a equipe completa e organizada, o próximo passo na gestão de vendas é acompanhar o desempenho geral da equipe.

É importante fazer esse acompanhamento para entender se a configuração da equipe é eficiente e também se a performance individual dos vendedores está satisfatória.

Ou seja, é possível entender se a equipe foi estruturada da melhor forma e também se os membros da equipe precisam de apoio individual ou em grupo (quando, por exemplo, é necessário melhorar a comunicação interna). 

Passo 5: Treine o time de vendas

Manter a equipe comercial treinada é fundamental para garantir que os vendedores estejam sempre sintonizados às novidades do mercado.

Além de garantir que suas habilidades sejam constantemente refinadas e amplie cada vez mais seu leque de competências (claro, mantendo a relevância com seus objetivos atuais e futuros).

Se você ainda não sabe quais aspectos trabalhar para desenvolver sua equipe, confira neste conteúdo 18 treinamentos de vendas indispensáveis.

Passo 6: Mantenha a equipe motivada

Sabemos como o departamento de vendas pode rapidamente se tornar um ambiente opressor e insustentável, em vez de animador e desafiador.

É preciso motivação constante para manter o clima positivo na equipe e evitar um dos piores problemas na gestão de vendas: a rotatividade dos vendedores.

E não, a motivação não se resume a altos salários e comissões agressivas. No mercado de trabalho atual, as pessoas priorizam trabalhar em ambientes positivos, mesmo que não ganhem remunerações elevadas.

Portanto, lembre-se: é responsabilidade da gestão de vendas manter a motivação além do dinheiro!

5 Ferramentas para otimizar sua gestão de vendas

Para manter todas as atividades, tarefas e processos relacionados à gestão de vendas organizados e devidamente controlados, o ideal é contar com algumas ferramentas estratégicas.

Vamos separá-las por sua utilidade na gestão de vendas:

1. Organização de tarefas

Em vendas, agendar uma reunião, uma ligação ou um e-mail de acompanhamento para um potencial cliente são tarefas rotineiras.

Para organizá-las e otimizá-las, você pode optar por ferramentas mais simples, como o Trello, até ferramentas mais elaboradas, como o ClickUp.

Mas, a alternativa ideal seria utilizar uma ferramenta que integre as atividades de vendas à própria ferramenta onde essas tarefas serão realizadas (ligações, disparos de e-mail, reuniões, etc).

No caso, a Leads2b permite a criação e organização de atividades de vendas na mesma plataforma onde o vendedor terá que realizá-las.

O que, além de otimizar o tempo e a realização das tarefas, permite o acompanhamento do desempenho do vendedor em suas atividades. 

2. Comunicação interna e externa

Um elemento que não pode faltar em uma equipe de vendas é comunicação. Tanto entre os membros internamente como com outros departamentos. Como marketing, por exemplo.

Algumas alternativas nesse sentido são o Slack, o Google Chat e o Twist.

Independente da ferramenta escolhida, lembre-se: manter a comunicação constante é fundamental.

3. Sistema de automação de vendas

Quando falamos de prospecção em volume, é impossível contar somente com processos manuais.

Portanto, para se comunicar com seus clientes, seja através de ligações, e-mails ou videoconferências, sua equipe precisa de um sistema que automatize essas tarefas.

Neste caso também são inúmeras as opções de VOIP para comunicação com os clientes através de ligações, como o Skype, o GoToConnect e o Net2phone.

O mesmo vale para a automação de e-mail, como MailChimp, Active Campaign e AutoPilot.

Porém, uma plataforma que integre todas essas automações é uma alternativa melhor. Como a Leads2b: onde você pode fazer ligações, disparos de e-mails e até agendar videoconferências com os clientes.

4. Sistema de CRM

Não existe gestão de vendas sem um sistema de CRM para registrar todas as interações com os clientes, desde o primeiro contato.

No CRM, as informações dos clientes são mantidas em segurança – algo fundamental para garantir o alinhamento com a LGPD.

Além de ser essencial para registrar dores, desafios, dúvidas e objetivos dos clientes. Informações fundamentais para desenvolver propostas de valor personalizadas.

Vários CRMs podem cumprir este papel de registrar e armazenar essas informações. Como o HubSpot, o Salesforce e o RD Station, por exemplo.

Mas, para dados mais específicos de vendas, a Leads2b é uma alternativa melhor – já que abrange todo o processo comercial – desde a geração do lead até o tratamento pós-vendas.

O que garante uma visão mais clara da jornada do cliente em sua empresa e maior consistência no atendimento a ele – que segue a mesma linha, graças ao registro do histórico de interações.

A fgestão de vendas é praticamente impossível sem um CRM. Aprenda tudo o que você precisa saber sobre essa ferramenta em nosso kit.

5. Acompanhamento de performance

Como vimos, mais do que acompanhar a performance geral da equipe comercial, também é importante estar por dentro do desempenho de cada vendedor.

E é praticamente impossível fazer isso sem um painel visual(também conhecido como dashboard).

No mercado, algumas opções de dashboards são Databox, Cyfe e DataDeck.

A Leads2b também conta com um dashboard prático, que mostra a eficiência do processo de vendas, da equipe comercial e ainda classifica os vendedores por volume de negócios e de receita.

Um painel visual completo e integrado é fundamental para uma gestão de vendas eficiente
Um painel visual completo e integrado é fundamental para uma gestão de vendas eficiente

3 Dicas para melhorar sua gestão de vendas

Você já conhece a implementação, as ferramentas e os processos necessários para uma boa gestão de vendas.

Mas algumas dicas são bem vindas para garantir a máxima eficiência, certo? Vamos a elas:

1. Escolha boas ferramentas para facilitar os trabalhos

Você viu, no tópico anterior, as diversas ferramentas que ajudam a gestão de vendas a se tornar mais prática, escalável e orientada a dados.

Para não se perder no mar de alternativas existentes no mercado, você deve avaliar as necessidades e particularidades da sua empresa, da sua equipe e o orçamento disponível.

É importante lembrar também que as melhores ferramentas são as que permitem integração entre si. 

Além de ser interessante contar com plataformas mais abrangentes, que eliminem a necessidade de contratar ferramentas adicionais para complementar funcionalidades básicas.

Considere conhecer melhor a Leads2b para fazer sua gestão de vendas: nossa plataforma agrega toda a operação comercial, da geração de leads ao pós-vendas.

Solicite uma demonstração neste link.

2. Receba e transmita feedbacks constantemente para o time de vendas

Mesmo com ferramentas que mostram seu desempenho, os vendedores precisam de apoio de seus gestores para entender melhor onde estão falhando e como podem melhorar.

Além disso, é fundamental estabelecer um ambiente onde os vendedores também se sintam à vontade para fornecer feedbacks.

Seja sobre as ferramentas, metodologias e  processos escolhidos ou até mesmo sobre o modelo de gestão de vendas aplicado na empresa.

3. Mantenha uma rotina de reuniões e alinhamentos (internos e interdepartamentais)

Para garantir que a empresa não saia de sua rota rumo ao seus objetivos, é fundamental manter comunicação e alinhamento constantes internamente e com outras equipes. 

Incluindo marketing, produto, suporte ao cliente e quaisquer outros departamentos relevantes.

Dessa forma, os vendedores são munidos de informações relevantes para fornecer aos clientes em potencial: detalhes precisos sobre os recursos do produto, informações sobre o suporte fornecido durante a integração e enquanto durar o relacionamento, entre outros. 

Você também deve se reunir regularmente com sua equipe para acompanhar o desempenho dela e revisar as metas.

Conclusão

A gestão de vendas não é um processo simples: é um elemento crítico, que impacta diretamente os resultados financeiros da sua empresa. 

Apesar disso, com as estratégias, ferramentas e processos certos, é possível gerenciar com eficácia estratégias, metas.

Portanto, use tudo o que você aprendeu hoje para implementar uma gestão de vendas eficaz e com resultados cada vez melhores.

Sucesso!

Jéssica Muller   <i class="fab fa-linkedin"></i>
Jéssica Muller  

Mãe, sagitariana, geek e apaixonada por leitura (leio 150 livros por ano). Pode me chamar de príncipe dos Sayajins.

Veja todos os artigos da Jéssica  
posts recentes
Aprenda a fazer - e revisar - sua precificação de produtos

Descubra o que é, a importância da revisão e como fazer a precificação de produtos e serviços com precisão e assertividade.

Descubra o que é o planejamento de vendas, sua importância, quais são seus objetivos e benefícios, como fazer passo a passo e porque começar em novembro.

Descubra o que é o planejamento de vendas, sua importância, quais são seus objetivos e benefícios, como fazer passo a passo e porque começar em novembro.

Descubra o que é a venda consultiva, porque adotar, confira exemplos para se inspirar, 5 passos para implementar e dicas para aplicá-la efetivamente.

Descubra o que é, a importância, os benefícios e como estruturar o pós vendas em sua empresa e encantar seus clientes!

Descubra o que é um modelo de gestão e confira dicas para melhorar o seu

Mais do que saber o que é um modelo de gestão, veja dicas de um CEO de como aplicar e melhorar no seu dia a dia de forma prática.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

aumente suas vendas

Descubra como é possível melhorar suas vendas com a Leads2b.