Pesquisar
Close this search box.

Dashboards de Vendas: Guia Prático para Maximizar o Desempenho de Vendas

Dashboard de vendas fornecem uma visualização de dados comerciais que levam a tomada de decisões estratégias de maneira ágil. Descubra como montar o seu!

Responda rápido: qual a receita de vendas da sua equipe esse mês? Você sabe dizer qual é o ticket médio das suas vendas e qual representante vendeu mais? O que você sabe sobre o desempenho do seu comercial? Não sabe dizer com certeza? Então você precisa urgentemente de um dashboard de vendas.

Afinal, essas são algumas perguntas que você tem que ter na ponta da língua para a tomada de decisões rápidas e também para fazer o acompanhamento do seu comercial — principalmente no modelo B2B.

Além disso, a visualização das vendas através de um dashboard permite enxergar com rapidez o que está performando bem ou mal. Bem como os principais indicadores e métricas de desempenho

Dessa forma e com toda essa agilidade, é possível tomar melhores decisões que podem mudar o curso das vendas antes que o mês acabe e as metas sejam prejudicadas.

Por isso, nesse post, falaremos como agilizar suas decisões e ter um acompanhamento visual do seu comercial, tudo através da criação de dashboards de vendas. 

Além disso, vamos dar algumas dicas preciosas para cada etapa do processo.

Vamos lá?

  1. O que é um dashboard de vendas?
  2. 10 benefícios dos dashboards comerciais
  3. Indicadores-chave de desempenho dos dashboards de vendas
  4. Importância da personalização dos painéis comerciais
  5. Principais ferramentas de dashboard de vendas
  6. Dashboard comercial Leads2b.

O que é um dashboard de vendas?

O dashboard — ou painelde vendas mostra os dados necessários para colocar sua equipe de vendas em movimento. É uma ferramenta fundamental para construir uma equipe de vendas mais forte e elaborar estratégias comerciais mais inteligentes

Um dashboard de vendas aponta gargalos e oportunidades e pode ajudar a motivar, inspirar e informar.

Os gerentes usam o painel comercial para acompanhar os indicadores comerciais em tempo real e criar estratégias para melhorá-las.

Enquanto que os vendedores usam para saber onde concentrar seus esforços para ter melhores resultados e tirar insights.

10 benefícios dos dashboards na operação comercial

A seguir, separamos 10 dos maiores benefícios dos dashboards de vendas para a operação comercial — sobretudo para as empresas B2B:

1. Fornece uma visão geral clara da atividade de vendas

Implementar um dashboard de vendas pode ajudar o departamento a simplificar todos os processos de vendas, tornando a rotina do departamento muito mais prática

Os painéis do departamento de vendas podem fornecer uma visão geral instantânea de todos os aspectos do processo comercial — desde a geração de leads até as previsões de fechamento.

Com isso, o uso dos dashboards de vendas geralmente proporciona às empresas um aumento de 6% na receita!

Comece já a usar o dashboard de vendas Leads2b gratuitamente

2. Permite identificar oportunidades de crescimento de vendas

Um dashboard de vendas ajuda os gerentes comerciais a identificar as oportunidades de melhorias e aumentar a receita. 

Além disso, a ferramenta informa rapidamente quem são seus melhores clientes, onde estão seus desafios e quais mudanças podem ser necessárias para impulsionar as vendas

3. Aponta oportunidades de melhoria no desempenho da equipe

Uma das coisas boas sobre o dashboard de vendas é que você obtém muitas informações sobre sua equipe comercial em apenas alguns cliques. 

Com tantas informações prontamente disponíveis, é fácil para os gerentes de vendas tomar decisões informadas sobre como melhorar o desempenho das equipes.

Saiba como compor, avaliar e desenvolver sua equipe comercial

4. Contribui no rastreamento de leads e processos dos membros da equipe

Um dashboard de vendas pode ser usado para rastrear leads e identificar quais membros da equipe estão indo bem. 

Assim, pode ajudar a alocar os membros da equipe com melhor desempenho para fornecer um melhor atendimento ao cliente e gerar mais receita atendendo às necessidades de cada comprador em potencial.

Sem mencionar que esses dados também ajudarão sua equipe a saber quais métodos de vendas funcionam e quais devem ser evitados no futuro.

5. Fornece dados em tempo real

Com dados em tempo real prontos acessíveis a qualquer momento para acompanhar o progresso diário, os gerentes comerciais não precisam mais esperar que analistas de dados e outros profissionais interpretem essas informações para eles. 

Em vez disso, podem imediatamente se concentrar em como usar e melhorar os indicadores a partir das informações já processadas e facilmente interpretáveis.

Tenha uma gestão comercial baseada em dados com a Leads2b

6. Ajuda na definição de metas

O compartilhamento facilitado dos dashboards comerciais com toda a equipe (incluindo executivos) garante que todos estejam na mesma página e trabalhando para alcançar objetivos comuns.

Isso porque, com a ajuda de um dashboard de vendas, você pode acompanhar facilmente o progresso dos objetivos e ainda ter uma plataforma para divulgá-los e compartilhá-los com outros departamentos da organização. 

O que elimina — em muitos casos — a necessidade de reuniões, e-mails etc. Em vez disso, sua equipe pode se concentrar em atingir suas metas e gerar vendas

Consequentemente, experimenta-se uma grande otimização de tempo da sua equipe comercial, permitindo que gerem mais vendas com a maior quantidade de tempo disponível.

7. Melhora a colaboração entre departamentos

Contar com um dashboard de vendas também pode melhorar a colaboração entre os departamentos. 

Por exemplo, um painel do departamento de vendas permite que sua equipe de marketing identifique oportunidades de apoiar o processo comercial, fornecendo materiais ricos, planejando eventos e demais insumos para munir os vendedores do que precisarem para fecharem suas vendas.

Saiba porque marketing deve trabalhar em conjunto com vendas

8. Incentiva a atribuição de responsabilidade

Dispor de um dashboard de vendas cria um ambiente mais responsável e promove o sucesso entre os membros da equipe.

Afinal, com dados precisos e metas definidas no painel, outros membros do departamento de vendas e da administração podem rapidamente responsabilizar a equipe pelo cumprimento dos prazos

Sem falar que todo mundo que tem acesso ao dashboard pode ver os prazos ali colocados, tornando-os mais transparentes. Além disso, ajuda a motivar sua equipe a concluir as tarefas no prazo.

9. Motiva as equipes comerciais

Com um dashboard de vendas, é infinitamente mais fácil organizar e dividir tarefas entre os membros do departamento comercial, motivando sua equipe comercial.

Assim, os representantes não se sentem inclinados a procrastinar por sentir que a tarefa em mãos é muito complexa e levará muito tempo. Afinal, dividir a tarefa em partes menores torna-as mais simples aos olhos da equipe e mais gerenciáveis para você

Além disso, os dashboards ajudam a instigar a competição saudável entre os representantes comerciais, apresentando seu desempenho individual e permitindo uma comparação com os demais membros da equipe.

Saiba como usar o dashboard de vendas para motivar e aumentar a performance da sua equipe

10. Evita que as equipes da força de vendas trabalhem isoladamente

As equipes de vendas geralmente trabalham isoladamente e não sabem como está o desempenho dos demais departamentos da força de vendas, o que limita sua capacidade de melhorar nas seguintes áreas:

  • Encontrar leads
  • Gerenciar negócios
  • Fechar acordos comerciais.

Nesse sentido, um dashboard de vendas ajuda as equipes que compõem a força de vendas a se manterem atualizadas sobre o que está acontecendo nas demais equipes, ajudando-as a gerar mais receita ao unir seus esforços a outros departamentos.

Indicadores-chave de desempenho (KPIs)

Acessando um dashboard de vendas, é possível identificar através do monitoramento constante de forma prática e intuitiva diferentes variáveis que impactam o desempenho das vendas. Como, por exemplo:

  • Taxa de conversão: revela gargalos no funil de vendas, como atrito (excesso de MQLs rejeitados pela equipe comercial), estagnação (muitos leads parados em um determinado estágio) e latência (muitos leads inativos) e permite a definição de estratégias corretivas
  • Tempo médio de vendas: apresenta o número médio de dias (ou semanas ou meses) necessários para identificar um cliente potencial e convertê-lo em um cliente pagante. Assim, aponta possíveis gargalos em cada fase da jornada do comprador (por exemplo, uma negociação muito demorada pode significar que você precisa treinar sua equipe de vendas em técnicas de negociação)
  • Receita por vendedor: a partir deste KPI, é possível identificar os representantes top performers e, por exemplo, estabelecer uma rotina de coaching entre eles e os membros da equipe com menor desempenho. Assim, é possível desenvolver e capacitar a equipe, obtendo um time capaz de operar em máxima performance.
Entenda o que diferencia os top performers dos vendedores comuns

Importância da personalização dos dashboards de vendas

Dashboards comerciais personalizados ajudam as empresas a monitorar todos os dados essenciais exclusivamente para sua organização — desde os KPIs de alto nível até as informações individuais de nível de desempenho.

Esses dados ajudam as empresas a monitorar os esforços da equipe, aumentar as vendas e o desempenho geral do departamento.

Além disso, dashboards de vendas fornecem insights “rápidos” necessários para analisar se um projeto ou iniciativa tem probabilidade de sucesso, eliminando suposições. Em vez disso, é possível realmente entender o que está acontecendo — em tempo real.

A personalização dos dashboards comerciais permite ainda:

  • acompanhar o progresso, cronogramas e orçamentos rapidamente
  • gerar relatórios com eficiência desde uma visão geral de alto nível até o último detalhe
  • priorizar tarefas, compartilhar arquivos e observar quem está fazendo o quê — a qualquer momento
  • manter todos as equipes da força de vendas sincronizadas e trabalhando para o mesmo objetivo
  • centralizar todos os processos de trabalho.

Ferramentas de dashboard de vendas

Algumas das principais ferramentas que permitem criar e analisar dashboards de vendas são o Tableu, o Power Bi e o Looker. Confira mais detalhes de cada uma delas a seguir.

Tableau

Esta ferramenta de visualização de dados e inteligência de negócios que permite conectar, visualizar e compartilhar dados de forma altamente interativa e intuitiva.

Ele possibilita a análise e exploração rápida de conjuntos de dados grandes e complexos, usando uma interface de arrastar e soltar sem exigir habilidades de codificação ou programação. 

O sistema oferece uma ampla variedade de tipos de gráficos e opções de visualização, conectando-se a várias fontes de dados — incluindo bancos de dados, planilhas, plataformas de big data e serviços de nuvem. 

Com ele é possível, ainda, executar tarefas de limpeza e transformação de dados, criação de  cálculos personalizados — gerando insights por meio de seus recursos de análise.

Dashboard de vendas Tableau. Fonte: The Data School
Dashboard de vendas Tableau. Fonte: The Data School

Power BI

Esta plataforma da Microsoft fornece visualizações interativas e recursos de inteligência de negócios com uma interface simples que permite criar relatórios e dashboards de vendas.

Com ele é possível se conectar a várias fontes de dados, limpar e transformar dados, criar cálculos personalizados e visualizar dados por meio de gráficos e tabelas. 

Seu acesso pode ser feito por meio de um navegador da web, dispositivo móvel ou aplicativo de desktop.

A ferramenta também pode ser integrada a outras ferramentas da Microsoft, como Excel e SharePoint. 

Com seus recursos de modelagem e análise de dados, ela permite que as organizações tomem decisões baseadas em dados e obtenham insights sobre o desempenho de suas vendas.

 Dashboard comercial Power BI, da Microsoft. Fonte: Microsoft
Dashboard comercial Power BI, da Microsoft. Fonte: Microsoft

Looker Data Studio

O Looker (o antigo Google Data Studio) é uma ferramenta de visualização para criar dashboards comerciais interativos e relatórios personalizados.

A plataforma permite a criação de novas medidas ou dimensões com base em fórmulas exclusivas que podem usar texto literal, valores numéricos e campos da fonte de dados. 

Com ele, também é possível aplicar operadores aritméticos e de comparação e funções mais sofisticadas.

Dashboard de vendas no Looker (antigo Google Data Studio). Fonte: GetApp
Dashboard de vendas no Looker (antigo Google Data Studio). Fonte: GetApp

Ainda que estas soluções tenham seus prós e contras entre si, uma coisa todas têm em comum: nenhuma delas faz parte de uma plataforma comercial.

Ou seja, para acessá-las, ainda que existam integrações, é preciso alternar janelas para analisar seus dados e chegar a insights. O que dificulta o processo.

Por isso, se a produtividade é um ponto importante para sua rotina, prefira usar dashboards que estão contidos em plataformas comerciais — como a Leads2b.

Dashboard Leads2b

O dashboard de vendas da Leads2b é prático, intuitivo e completo, permitindo a visualização dos dados mais relevantes para a operação comercial das empresas.

Com ele, é possível acompanhar de forma clara e detalhada o desempenho geral da equipe e do processo de vendas, identificando facilmente gargalos, melhores e piores desempenhos e evolução rumo às metas. 

Em outras palavras, com o dashboard comercial Leads2b, os líderes comerciais têm controle total de sua operação de vendas.

Dashboard de vendas Leads2b
Dashboard de vendas Leads2b

Conclusão

Um dashboard de vendas, mais do que impulsionar o processo de vendas devido à sua capacidade de disponibilizar dados em tempo real e fornecer uma visão geral dos principais aspectos da operação, também ajuda a definir metas e promover a responsabilidade em todo o departamento comercial. 

Além disso, um painel de vendas também pode melhorar a colaboração entre departamentos, alimentando e compartilhando dados de diferentes equipes. 

Desta forma, ao ter todas essas informações prontamente disponíveis em uma plataforma, as equipes têm mais chances de gerar mais receita para a empresa.

Assim, se você ainda não experimentou o poder de usar os dashboards a seu favor, clique aqui e comece agora gratuitamente!

Jéssica Muller   <i class="fab fa-linkedin"></i>
Jéssica Muller  

Mãe e sagitariana, trazendo inovação e engajamento através de palavras. Combino minha paixão por leitura (mais de 150 livros ao ano) com uma abordagem criativa e analítica em escrita!

Veja todos os artigos da Jéssica  
Posts recentes
Dashboards de Vendas: Guia Prático para Maximizar o Desempenho de Vendas 1

As estratégias de vendas inbound podem trazer excelentes resultados para sua prospecção. Confira dicas imbatíveis para potencializar suas vendas.

Entenda a diferença entre o inbound e outbound marketing e descubra a importância de implantar as duas estratégias em conjunto na sua empresa.

Entenda a diferença entre o inbound e outbound marketing e descubra a importância de implantar as duas estratégias em conjunto na sua empresa.

Dashboards de Vendas: Guia Prático para Maximizar o Desempenho de Vendas 2

Entenda o que são as métricas de MRR (Receita Recorrente Mensal) e o ARR (Receita Recorrente Anual), sua importância e como calculá-las.

Aprenda a estruturar o seu funil de vendas

O funil de vendas melhora sua previsibilidade, acelera o fechamento de negócios e traz melhorias contínuas em suas vendas. Aprenda a estruturar o seu

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe

Inicie agora seu teste gratuito de 7 dias na plataforma Leads2b

plataforma go-to-market

Mais que um CRM ou uma ferramenta de Marketing.

Plataforma Go-to-Market (GTM) para empresas desenvolverem inteligência e eficiência para vender mais e melhor.