dashboard de vendas

Dashboard de Vendas: Como montar com perfeição

Dashboard de vendas: é uma tradução do inglês para painel de controle, onde você consegue acompanhar de maneira visual e intuitiva sua operação comercial, o ideal é que seja ao vivo.

Quantas vendas você fez esse mês? Qual é a taxa de conversão dos seus leads processados para clientes? Você sabe dizer qual é o ticket médio das suas vendas e quem vendeu mais atualmente? O que você sabe do seu comercial?

Essas são algumas perguntas que você tem que ter na ponta da língua para a tomada de decisões rápidas e também acompanhamento do seu comercial, e parar de fazer essas contas não dá certo.

Nesse post falaremos como agilizar suas decisões e ter um acompanhamento visual das suas vendas, tudo através da criação de dashboards de vendas. Além disso, vamos dar algumas dicas do que ver em cada etapa, fechou?

O que é um dashboard de vendas? Por quê preciso dele?

Antes de qualquer criação, vamos explicar o que é um dashboard: é uma tradução do inglês para painel de controle, onde você consegue acompanhar de maneira visual e intuitiva sua operação (o foco aqui será vendas), e o ideal é que seja ao vivo.

Além do termo dashboard, vamos falar mais sobre métricas e kpi’s.

MÉTRICAS: medidas para a constituição de um indicador. Não possuem uma meta, só o número.

KPI’s: conjunto de métricas atrelados a metas, onde os números dizem algo sobre determinada ação.

Montar um dashboard de vendas é algo complicado, pois é preciso realizar um planejamento em cima dele, atuando com metas e taxas constantemente. No entanto, é bem mais fácil deixar isso pronto previamente, do que 5 minutos antes da reunião ter que realizar todas as contas. Um dashboard resume 15 slides e inúmeras planilhas separadas.

Será que vale a pena eu ter um dashboard de vendas? O que devo olhar?

Se você já está poupando horas de trabalho com contas, acessos a planilhas distintas e complexas, com cores nas suas apresentações e te dando mais tempo para sua tão sonhada “tomada de decisão rápido”, me dê um motivo para não ter um dashboard de vendas para acompanhar?

Elaborar um dashboard de vendas completo exige um grau de planejamento e alinhamento das informações. O seu problema deve ser passar a se perguntar “o que devo colocar de decisório aqui” ao invés de “onde está determinada informação”.

Só tome cuidado para não atualizar a base sempre ou mudar o local dela, pois depois você terá que ir atrás da informação.

Métricas de referência para um dashboard de vendas

Sabendo disso e poupando seu tempo para montar um dashboard de vendas de qualidade, vou deixar aqui embaixo alguns modelos de dashboard e kpi’s de vendas para você buscar e questionar o seu negócio focando no que interessa.

Leads Gerados

Quantos leads minha captação gerou? Saber a quantidade de leads gerados é um dos pontos-chave para você entender como está o recebimento das oportunidades vindo do marketing.

Lembre-se sempre que ele vem de um funil inbound ou outbound, e saber quantos têm demonstra os interessados no seu negócio.

Leads Processados

Quantos leads você conseguiu contato ou agendou uma ação? Para um dashboard de vendas é importante saber com quantos você já está falando, negociando ou fechando.

Através desse valor que você irá ver de fato suas taxas de conversão, afinal você falou com eles, né?

Oportunidades Geradas

Quantos leads avançaram no meu funil e estão interessados no meu negócio? É uma métrica importante e precisa ser mensurada, pois, vendo isso, você consegue saber quantas pessoas estão em status de negociação ou já com o contrato na mão, mas não fecharam negócio ainda.

Vendas Realizadas

Não vê motivos de ter isso? Se você tem um processo de vendas, é óbvio que você quer saber quantas foram feitas no mês. Inclusive, essa seria sua métrica final para saber e é a base de muita coisa!

Taxa de Conversão

Esse é um ponto de bastante atenção. Aqui você irá verificar de fato como está as suas conversões e quais são os canais mais efetivos para realizar a venda. Leve sempre em consideração as taxas de LEADS PROCESSADOS X OPORTUNIDADES GERADAS X VENDAS REALIZADAS.

Ticket Médio

Qual é a média de valor de todas minhas vendas? É um kpi muito importante também. Assim, você verifica se suas vendas estão sendo sempre baseadas em descontos, acima da média.

Como estruturar o meu dashboard de vendas?

“Leader, esses são kpi’s interessantes para meu processo de vendas, mas quero que meu dash tenha mais informações, o que faço?” Ótimo, mas cuidado com o excesso de informações. Lembre-se sempre que seu dashboard de vendas precisa ser objetivo e ter seus principais kpi’s para tomadas de decisão rápidas. De todo modo, pode começar a fazer assim:

  • Liste as principais métricas que quer acompanhar: tudo relacionado a desempenho, você pode colocar aqui: custo de aquisição do cliente, visitantes no site, oportunidades e vendas por colaborador, etapas de negociação são alguns exemplos.
  • Defina metas para cada métrica: a partir disso você cria os kpi’s e já consegue eliminar algumas métricas para a criação do seu painel de vendas, não deixando ele cheio de números sem sentido.
  • Acompanhe o seu processo de vendas: defina qual a jornada o cliente tende a percorrer até finalizar a venda. Elabore isso e veja onde se encaixa cada kpi’s. Ao montar o dashboard, isso facilitará na visualização.
  • Padronize a informação e a localização dela: ficará difícil medir o desempenho de colaboradores que uma hora é chamado pelo primeiro nome e cadastrado pelo sobrenome, ou então possuem acessos distintos em locais que se alteram constantemente.
  • Monte seu painel de controle de vendas com gráficos e linear: use cores para colocar a atenção no que realmente interessa. Portanto, defina a sua paleta de cores e então insira em gráficos de barras, modelo teia de aranha, medidores ou afins, mas defina alertas para realmente agilizar seu processo de decisão sem não deixar como um carnaval.
  • Aproveite seu painel de vendas e tome decisões rápidas: erga os pés e acompanhe sua criação. Só tire eles quando seus KPI’s ficarem vermelhos e tome decisões mais rápidos.

Conclusão

Feito tudo isso, você irá se acostumar em tomar as decisões o mais rápido possível e identificar onde estão os gaps da sua operação comercial. Como você tem seus kpi’s prontos, ficará mais fácil e visual você agir e obter melhores resultados. 

Nós da Leads2b usamos dashboards sempre que possível. Desde que conseguimos visualizar determinada operação e qual está sendo o impacto que ela esta causando, trazemos então eficiência comercial e acompanhamento em tempo real. 

Artigos Recentes​

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *