Pesquisar

O que é funil de vendas? Conheça etapas, benefícios e aprenda a montar o seu

Aprenda a estruturar o seu funil de vendas

Um funil de vendas eficiente é uma ferramenta fundamental para otimizar a conversão de leads em clientes. Ao entender como os potenciais clientes se movem pelas diferentes etapas do funil, sua empresa pode melhorar significativamente a eficácia do processo de vendas. Neste artigo, vamos explorar o que é um funil, detalhar cada uma de suas etapas e fornecer um guia prático sobre como implementá-lo de forma eficaz.

O que significa um funil de vendas?

Um funil de vendas representa as etapas pelas quais um potencial cliente passa, desde o primeiro contato com a empresa até a realização da compra. Visualmente, ele se assemelha a um funil invertido, onde muitos leads entram no topo, mas apenas uma parte deles avança até o fundo, resultando em uma conversão. Essa estrutura ajuda as empresas a gerenciar e otimizar suas atividades de vendas, garantindo que os leads sejam acompanhados e nutridos adequadamente em cada fase.

Funil de vendas
Funil de vendas. Fonte: Sebrae

Jornada de compras e funil de vendas: há relação?

Existe uma relação simbiótica entre ambos, sendo conceitos complementares e interdependentes no processo de conversão de leads em clientes. A jornada de compra oferece uma visão holística da experiência do cliente, enquanto o funil se concentra nas ações e etapas que ele percorre até se tornar um cliente. Além disso, eles precisam estar alinhados para oferecer a mensagem certa no momento certo para o cliente. Juntos, eles permitem às empresas identificar gargalos e oportunidades de otimização, aprimorando a experiência e aumentando as taxas de conversão.

Como funciona um funil de vendas?

O funil de vendas funciona como uma representação visual do processo de compra de um cliente, desde o momento em que ele toma conhecimento da sua empresa até a conversão final em um cliente pagante. Ele é chamado de “funil” porque se assemelha a um funil físico, onde muitos leads (potenciais clientes) entram na fase inicial e, à medida que avançam no processo, menos pessoas se convertem em clientes reais.

Quais são as 4 etapas do funil de vendas?

Os funis podem variar em formato e objetivo, mas, basicamente, se dividem em 4 etapas bem delineadas: aprendizado e descoberta, reconhecimento do problema, consideração da solução e decisão de compra. Entenda melhor cada uma delas a seguir:

1. Topo: conscientização e atração — aqui, o objetivo é educar potenciais clientes que ainda não estão cientes de seus problemas ou necessidades específicas. Estratégias de marketing de conteúdo, como blogs posts e e-books educativos, são utilizadas para atrair esses potenciais clientes

2. Meio: consideração e engajamento  etapa em que os potenciais clientes reconhecem seu problema e buscam ativamente soluções, comparando diferentes opções disponíveis. As empresas devem fornecer informações detalhadas sobre suas soluções, destacando benefícios e diferenciais

3. Fundo: decisão e conversão — é onde os potenciais clientes estão prontos para tomar uma decisão de compra. As empresas devem fornecer provas sociais, como depoimentos e estudos de caso, além de oferecer garantias e condições favoráveis para ajudar na decisão de compra

4. Retenção e fidelização — nesta etapa final, é crucial para reter clientes e transformá-los em defensores da marca. Estratégias como e-mails personalizados, suporte proativo e solicitação de feedback são ideais para manter a relação e incentivar compras repetidas ou recomendações. 

Entender essas etapas do funil de vendas é crucial para tomar decisões estratégicas baseadas em dados, aumentar as taxas de conversão e fidelizar clientes. Investir na otimização de cada etapa do funil de vendas é fundamental para alcançar um crescimento sustentável e lucrativo para qualquer negócio.

Entenda a importância do funil de vendas e confira os diferentes tipos de perfis

Por que é importante definir o funil de vendas?

Definir claramente um funil de vendas e compreender as necessidades dos clientes em cada fase, é importante por que:

  • Otimiza a jornada do cliente: direciona os leads de forma eficiente pelas diferentes etapas da jornada de compra, reduzindo o tempo de conversão e aumentando as chances de venda
  • Personaliza a experiência: oferecer conteúdo e ofertas relevantes para as necessidades e interesses dos clientes em cada etapa do funil aumenta a probabilidade de conversão e fidelização
  • Favorece uma comunicação relevante: ao entender as necessidades dos clientes em cada etapa do funil, as empresas podem se comunicar de forma mais eficaz, fornecendo informações valiosas e relevantes em cada momento da jornada
  • Gera relacionamentos duradouros: nutrir leads com conteúdo relevante e construir relacionamentos de confiança ao longo do funil de vendas contribui para a fidelização e retenção de clientes
  • Promove a otimização baseada em dados: com base na análise do funil de vendas, as empresas podem tomar decisões estratégicas mais assertivas sobre marketing, vendas e desenvolvimento de produtos
  • Fornece uma visão holística do processo: o funil de vendas fornece uma visão abrangente do processo de vendas, permitindo que as empresas identifiquem oportunidades de crescimento e melhorem continuamente seus resultados
  • Aumenta a adaptabilidade às mudanças: um funil de vendas bem definido é flexível e adaptável às mudanças do mercado e às necessidades dos clientes, garantindo que a empresa se mantenha competitiva no longo prazo

Portanto, investir tempo e recursos na definição e otimização do seu funil de vendas é um passo crucial para o sucesso do seu negócio.

Benefícios do funil de vendas

Os benefícios de um funil de vendas bem estruturado incluem uma melhor organização das atividades de vendas, maior previsibilidade nas receitas, e uma visão clara de onde os leads estão no processo de compra. Ele permite que os vendedores identifiquem rapidamente onde estão os gargalos e tomem ações corretivas para aumentar a eficiência e a taxa de conversão, além de  proporcionar: 

  • Resultados comerciais previsíveis
  • Maior produtividade da equipe comercial
  • Uma gestão de vendas otimizada
  • Melhor aproveitamento das oportunidades de vendas
  • Insights valiosos para a equipe de produto.

Como montar um funil de vendas?

Para montar um funil de vendas eficaz, é importante seguir um processo estruturado e detalhado, dividido em 3 etapas principais. Ao seguir estas etapas e investir na construção de um funil de vendas eficaz, sua empresa estará no caminho certo para aumentar as vendas, fidelizar clientes e alcançar o sucesso a longo prazo.

Mapeie a jornada 

Comece por identificar as diferentes etapas da jornada do cliente, desde o momento em que ele toma consciência da sua marca até a compra e o pós-venda. Então, descreva os comportamentos, as necessidades e os desafios que o cliente enfrenta em cada etapa da jornada. Por fim, identifique os canais onde o cliente interage com a sua empresa em cada etapa, como site, blog, redes sociais, e-mail marketing, etc.

Jornada de compra
Jornada de compra

Defina etapas e marcos

Nesta etapa, primeiramente divida seu funil de vendas nas etapas mais relevantes para o seu negócio e objetivo. Em seguida, defina metas e objetivos específicos para cada etapa do funil, como número de leads gerados, leads qualificados e conversões. Não esqueça dos indicadores-chave de desempenho (KPIs) para acompanhar o desempenho de cada etapa, como taxa de conversão, tempo médio de ciclo de vendas e custo por aquisição (CAC).

Faça o SLA entre vendas e marketing

Para que funcione corretamente, o funil precisa que os departamentos de marketing e vendas estejam bem alinhados. Isso significa que é preciso esclarecer a responsabilidade de cada um nas diferentes etapas do funil por meio de um acordo de nível de serviço (ou Service Level Agreement — SLA). Para tanto: 

  • Estabeleça metas claras: defina metas claras e mensuráveis para cada equipe, como número de leads qualificados, conversões e receita gerada
  • Comunique responsabilidades: informe claramente as responsabilidades de cada equipe em cada etapa do funil de vendas
  • Crie processos de colaboração: estabeleça processos de colaboração eficazes para que as equipes de marketing e vendas trabalhem juntas de forma integrada
  • Meça e ajuste periodicamente: meça o desempenho das SLAs periodicamente e faça ajustes conforme necessário para otimizar os resultados.

Lembre-se: o funil de vendas requer um processo dinâmico e, justamente por isso, deve ser constantemente monitorado, ajustado e otimizado

Entrenda por que marketing e vendas devem atuar em conjunto

Como mensurar o funil de vendas?

Mensurar o funil de vendas é essencial para entender a eficiência do processo de vendas e identificar áreas de melhoria. Para cada etapa do funil, acompanhe métricas específicas que forneçam insights sobre o desempenho em cada fase:

  • Taxa de conversão por etapa: a porcentagem de leads que avançam de uma etapa para a próxima. Isso ajuda a identificar gargalos no funil. Para calculá-la, use a fórmula abaixo:

(número de leads na próxima etapa / número de leads na etapa atual) x 100

  • Número de leads em cada etapa: quantidade de leads presentes em cada estágio do funil
  • Tempo médio em cada etapa: o tempo que um lead passa em cada etapa do funil. Isso ajuda a identificar onde ocorrem atrasos
  • Taxa de abandono: a porcentagem de leads que saem do funil em cada etapa. Isso pode indicar problemas ou ineficiências em determinadas fases. Use a fórmula a seguir para fazer o cálculo desta taxa:

(número de leads que abandonaram / número de leads na etapa atual) x 100

Para facilitar o acompanhamento dessas métricas, é essencial utilizar ferramentas de CRM, como o Leads2b. Essas ferramentas automatizam o processo de coleta de dados e fornecem dashboards e relatórios que facilitam a visualização do desempenho do funil de vendas.

Além disso, é importante realizar análises regulares das métricas para identificar tendências e áreas que necessitam de melhorias. Com base nos insights, ajuste suas estratégias para melhorar a taxa de conversão e reduzir o tempo médio em cada etapa. Coletar feedback da equipe de vendas e dos clientes também pode fornecer insights valiosos sobre o que está funcionando e o que precisa ser melhorado.

Por fim, lembre-se: o funil de vendas deve ser visto como um processo em constante evolução. Use os dados coletados para iterar e otimizar continuamente suas estratégias de vendas. 

Erros mais comuns ao montar o funil de vendas

Muitos erros podem surgir durante a criação e implementação do funil de vendas, comprometendo os resultados e até mesmo causando prejuízos para o negócio. A seguir, destacamos alguns erros comuns ao montar um funil de vendas:

1. Não saber o nível de consciência: ignorar o estágio de conhecimento do público-alvo em relação à marca e seus produtos/serviços leva à criação de conteúdo e ofertas irrelevantes para cada etapa da jornada do cliente. Isso pode levar à frustração e à desistência dos leads. Por isso, é importante identificar o nível de consciência do público-alvo e criar ofertas específicas para cada etapa da jornada

2. Tratar o visitante como cliente: oferecer vendas agressivas para leads que ainda estão no início da jornada de compra pode afastá-los, prejudicando a reputação da marca e diminuindo as chances de conversão no futuro. É importante nutrir os leads com conteúdo informativo e relevante para construir confiança e relacionamento antes de apresentar ofertas de venda

3. Só pensar no resultado: focar exclusivamente em conversões e vendas, ignorando as etapas anteriores do funil, pode resultar em um desequilíbrio com muitos leads no topo e poucas conversões no final. Isso pode levar à frustração e à perda de oportunidades. É essencial dar atenção a todas as etapas do funil, desde a atração de leads até a fidelização de clientes, criando um processo contínuo e otimizado

4. Não testar: implementar o funil de vendas sem testar diferentes estratégias e conteúdos pode resultar em perda de tempo e recursos com ações que não funcionam. Isso impede a otimização do funil e a potencialização dos resultados. Fazer testes A/B para diferentes elementos do funil, como títulos, chamadas para a ação (Calls to Action — CTAs), conteúdo e ofertas, ajuda a identificar as melhores estratégias para cada público-alvo.

Evitando esses erros e investindo na construção de um funil de vendas bem estruturado, sua empresa estará no caminho certo para aumentar as vendas, fidelizar clientes e alcançar o sucesso a longo prazo.

O que é funil de vendas? Conheça etapas, benefícios e aprenda a montar o seu 1

Como acelerar o funil de vendas?

Acelerar o funil de vendas é crucial para aumentar a eficiência e a eficácia do processo de vendas, resultando em ciclos de vendas mais curtos e maior conversão de leads. Aqui estão algumas estratégias para acelerar o funil de vendas:

  • Alinhe jornada de compra e processo de vendas: isso implica entender as necessidades e comportamentos dos compradores em cada etapa e ajustar as estratégias de vendas para atender a essas necessidades. Esse alinhamento assegura que os clientes recebam as informações e suporte adequados no momento certo, facilitando sua progressão pelo funil de vendas
  • Estabeleça as etapas e destaque os gatilhos do processo: cada etapa deve ter critérios específicos para indicar quando um lead está pronto para avançar. Isso permite à equipe de vendas intervir de maneira oportuna e eficaz, evitando que os leads fiquem estagnados por muito tempo
  • Tenha um plano de ação para cada negócio: cada lead é único e pode precisar de abordagens diferentes para avançar no funil de vendas, por isso é importante ter um plano de ação personalizado para cada negócio, com estratégias específicas baseadas no comportamento e nas necessidades do lead. Portanto, crie ações concretas que a equipe de vendas possa tomar para mover o lead para a próxima etapa, aumentando a relevância e eficácia das interações e acelerando o progresso no funil
  • Monitore as movimentações: usando ferramentas de CRM, a equipe pode rastrear e analisar o progresso dos leads, identificando onde eles avançam rapidamente e onde ficam estagnados. Isso permite ajustar estratégias e intervenções para acelerar o movimento dos leads nas áreas problemáticas. Além disso, o monitoramento constante ajuda a identificar tendências e padrões que podem ser utilizados para otimizar o funil de vendas como um todo.

Ao seguir essas práticas, as empresas podem melhorar a eficiência do processo de vendas, reduzir o tempo de conversão e aumentar as taxas de fechamento.

Qual a melhor ferramenta para funil de vendas?

O CRM é amplamente considerado a melhor ferramenta para gerenciar o funil de vendas por várias razões fundamentais: 

  • Acompanhamento detalhado da jornada do cliente: permite registrar e analisar todas as interações com os clientes, desde o primeiro contato até a pós-venda, facilitando a visualização das etapas do funil, interações passadas e próximas ações a serem tomadas
  • Centralização de informações e dados importantes: com um CRM, como o da Leads2b, todas as informações cruciais sobre os clientes, como dados de contato, histórico e preferências, são centralizadas e acessíveis à equipe de vendas, eliminando a necessidade de procurar informações em sistemas dispersos
  • Automação de tarefas: recursos avançados de automação permitem automatizar tarefas repetitivas e processos manuais. Com o CRM Leads2b, por exemplo, você pode fazer o agendamento de follow-ups, envio de e-mails personalizados e atribuição automática de leads. Isso aumenta a produtividade da equipe de vendas e libera tempo para atividades estratégicas
  • Segmentação avançada: um CRM como o da Leads2b permite a personalização das abordagens de vendas e marketing, melhorando a eficiência das campanhas. Afinal, com ele é possível segmentar por:
    • Demografia
    • Comportamento
    • Valor do cliente
    • Estágio do ciclo de vida
    • Necessidades e preferências
    • Fonte de aquisição
    • Indicadores de satisfação
    • Probabilidade de churn.

Essas funcionalidades tornam o CRM da Leads2b uma ferramenta poderosa para otimizar estratégias de vendas, aumentar a eficiência da equipe e impulsionar os resultados de vendas e expansão de mercado.

Saiba a jornada do seu cliente de ponta a ponta com o funil de vendas

O funil de vendas é essencial para guiar o processo de conversão de leads em clientes. Ele define as etapas-chave da jornada do cliente, desde o aprendizado até a decisão de compra. Definir o funil ajuda na organização e na otimização das estratégias de vendas, melhorando a qualificação de leads, aumentando a taxa de conversão e proporcionando previsibilidade de receitas. 

Para construir um funil eficaz, é crucial evitar erros comuns, como negligenciar a nutrição de leads. Mensurar e acelerar o funil são práticas fundamentais, e o uso de um CRM como o Leads2b é recomendado pela sua capacidade de automatizar tarefas, personalizar abordagens e oferecer análises detalhadas. Por isso, para implementar o seu e colocá-lo em prática, siga as dicas do post de hoje e inicie já seu teste gratuito na plataforma da Leads2b para potencializar seus resultados!

Picture of Jéssica Muller   <i class="fab fa-linkedin"></i>
Jéssica Muller  

Mãe e sagitariana, trazendo inovação e engajamento através de palavras. Combino minha paixão por leitura (mais de 150 livros ao ano) com uma abordagem criativa e analítica em escrita!

Veja todos os artigos da Jéssica  
Posts recentes
Descubra o que é PQL, quem pode usar e como criar uma estratégia para captá-alo e convertê-lo em cliente

O PQL é um lead que já usou seu produto, seja em teste ou uma versão gratuita, portanto entende o valor da sua solução. Saiba como captá-lo e convertê-lo em cliente.

Você sabe o que é 5W2H? Trata-se de perguntas que ajudam a organizar ideias e ações de forma clara e objetiva. Aprenda a usá-lo para vender

Você sabe o que é 5W2H? Trata-se de perguntas que ajudam a organizar ideias e ações de forma clara e objetiva. Aprenda a usá-lo para vender!

Descubra como fazer um fluxo de nutrição passo a passo

Construir e manter um fluxo de nutrição para leads qualificados pode ser o segredo para aumentar suas vendas. Descubra como montar o seu.

Saiba o que é ongoing, sua importância e como aplicar em seu comercial

O ongoing é ajudar o cliente a alcançar marcos de sucesso com a solução que você vendeu a ele. Veja como colocá-lo em prática em 6 passos.

1 comentário em “O que é funil de vendas? Conheça etapas, benefícios e aprenda a montar o seu”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe

Inicie agora seu teste gratuito de 7 dias na plataforma Leads2b

plataforma go-to-market

Mais que um CRM ou uma ferramenta de Marketing.

Plataforma Go-to-Market (GTM) para empresas desenvolverem inteligência e eficiência para vender mais e melhor.